Principais programas de afiliados para iniciantes

Principais programas de afiliados para iniciantes

Acima de tudo, um bom programa de afiliados é uma ótima opção para aumentar o faturamento e ser dono do seu próprio negócio.

No entanto, a escolha da melhor plataforma é uma das principais dúvidas dos profissionais que estão iniciando nesse segmento.

Pensando nisso, vamos listar quais são os principais programas de afiliados para iniciantes.

Dessa forma, você começará na área com mais segurança e tranquilidade.

Continue lendo este artigo e tire todas as suas dúvidas.

Afinal, o que é um programa de afiliados?

Antes de listar quais são os melhores programas de afiliados, vamos entender como eles funcionam?

Primeiramente, o programa é uma plataforma que tem como objetivo fazer acordos entre um anunciante e um afiliado.

Além disso, o afiliado será o profissional responsável por fazer a propaganda do anunciante. Ele divulgará os seus produtos físicos ou digitais de várias formas como blogs, e-mail marketing e mídia paga.

Logo, ao clicar na propaganda, o usuário é encaminhado para o site do anunciante. Se ele comprar um produto ou fazer a inscrição em um determinado curso, o afiliado ganha uma comissão por essa venda.

Quais são os principais programas de afiliados para iniciantes?

A partir de agora, vamos apresentar quais são os principais programas de afiliados para iniciantes.

Vamos mostrar como funciona, quais são as principais características e as formas de pagamento.

Hotmart

Nesse programa, o usuário pode escolher vários infoprodutos e promovê-los em canais como blog, redes sociais e e-mail marketing.

O produtor do conteúdo é o profissional responsável por estabelecer o valor da comissão que, geralmente, é fixa.

Sem dúvidas, esse é um dos programas com mais popularidade e lucro do país.

Enfim, a Hotmart ainda é conhecida por compartilhar conteúdos interessantes sobre o mercado de afiliado.

Magazine Luiza

Nesse programa, a empresa oferece ao afiliado uma loja virtual gratuita. Ele não precisa ter conhecimento em programação ou ferramentas de internet. O sistema é fácil de utilizar.

Eventualmente, a comissão no programa pode chegar a 12% por cada produto vendido.

JivoChat

A comissão da JivoChat é diferente dos modelos tradicionais. Ela é feita de forma recorrente.

Nesse sentido, o afiliado fatura 30% do valor da mensalidade, caso o cliente continue utilizando a ferramenta.

Como resultado, a empresa comercializa um chat online que tem como missão potencializar as vendas dos seus usuários.

Afiliados.com.br

O afiliado tem acesso a vários produtos. Ele pode fazer a divulgação dos itens por meio de banners ou links.

Além disso, a plataforma tem diversas empresas parceiras. Dentre as mais comuns, encontra-se Shoptime e Submarino.

Ainda mais, que as comissões variam entre 3% a 5%. O valor depende da venda de cada produto.

Dessa forma, o afiliado pode utilizar diversas ferramentas que facilitam em seu trabalho como: gerador de links, monitoramento de vendas, relatórios com dados e análises.

Lomadee

Neste programa, o afiliado pode ganhar comissões de duas formas: por clique ou vendas.

Então, essa opção é uma ótima alternativa para quem pretende comercializar produtos físicos de diferentes mercados.

Para se ter uma ideia, o afiliado pode vender pacotes de viagens, eletroeletrônicos, artigos esportivos, itens de decoração para a casa, livros, entre outros produtos.

UOL Afiliados

O afiliado deste programa pode vender vários tipos de serviços como hospedagem, loja online, e-mail marketing e cursos.

Além disso ele pode fazer a divulgação dos anúncios em diversos formatos, entre os quais: banner, links, e-mail marketing e XML.

A remuneração é outro ponto positivo do programa.

A comissão pode ser feita com base em leads gerados, cliques em anúncios ou aquisição de produtos, serviços ou assinaturas.

Por último, o programa de afiliados do UOL não é burocrático. A inscrição é prática e ocorre em poucos minutos.

Amazon Associados

A Amazon está cada vez mais presente no mercado brasileiro. Nesse programa, o afiliado pode vender livros e outros produtos da marca.

Todavia, a comissão é um dos diferenciais do programa. Ela funciona da seguinte forma: imagine que um cliente acessou a página do site por meio de um link que foi divulgado em suas redes sociais.

No entanto, ele comprou não só o livro, mas também um leitor de livros digitais. Nesse caso, você é recompensado pelas duas vendas, e não somente pelo produto que estava no link.

Cursos 24 horas

Os cursos online são cada vez mais utilizados pelos alunos que buscam praticidade, ensino diferenciado e economia.

No site Cursos 24 horas, o afiliado pode aproveitar o momento e divulgar vários cursos de administração, comunicação e marketing, direito, estética, pedagogia e turismo.

A comissão do programa é de 25% gasto por cada aluno.

Google AdSense

A última opção da nossa lista é o Google AdSense. O pagamento é feito por cliques e não por vendas.

O afiliado tem a sua disposição anúncios automáticos e possibilidade de personalizar o anúncio de acordo com o tamanho.

Todas as opções que mencionamos acima não exigem conhecimentos avançados sobre internet.

Afinal, os programas de afiliados são práticos e eficientes, facilitando a experiência do usuário.

Como escolher um programa de afiliados?

Antes de mais nada, o mercado tem vários programas de afiliados, não é mesmo?

A principal dúvida é como escolher a melhor opção diante de tantas alternativas?

Para facilitar nesse processo, selecionamos abaixo as principais características que um afiliado deve avaliar antes de tomar a melhor decisão.

  • Qualidade do produto e serviço;
  • Valor da comissão;
  • Ferramentas e suporte;
  • Produtos com boa reputação no mercado;
  • Restrições em relação a divulgação;
  • Quantidade de métodos de pagamento;
  • Taxa de conversão.

Ao analisar todos esses itens, você estará mais preparado para escolher um programa de afiliados que esteja de acordo com o seu perfil.

Contudo, o mais interessante é que o afiliado não tem um contrato de exclusividade com as plataformas. Assim, ele pode testar os recursos e ferramentas de uma alternativa.

Portanto, se o formato de trabalho não for aprovado, ele pode ir para uma outra plataforma, sem problemas ou multas. O YouTube pode ser um grande aliado para aprender mais, canais de profissionais da área como o Alex Vargas, são ótimas opções de aprendizado para iniciar no segmento.

Diego Augusto

Diego Augusto

Deixe o seu comentário! Os comentários não serão disponibilizados publicamente

Os comentários estão fechados.

Outros artigos

Otimizado por Lucas Ferraz.