Como Ganhar Dinheiro com Revenda?

Como Ganhar Dinheiro com Revenda?

Segundo matéria publicada no site JC Online, o mercado de revenda no Brasil fatura cerca de 45,7 bilhões de reais ao ano.

Quer uma parcela dessa fortuna?

Revender produtos é uma das formas mais certeiras de obter uma boa renda mensal e um dos motivos é que você pode ter seu próprio negócio sem precisar se preocupar com a criação e fabricação de produtos, pode utilizar imagens, conteúdos e marketing já realizados pelo fabricante ou proprietário da marca e, com tudo isso, ganhar tempo para investir na ponta dos resultados, ou seja: a venda.

Produtos mais revendidos no Brasil

Entre diversos produtos para revenda, os mais populares no Brasil são:

Claro que não estamos falando aqui dos infoprodutos e produtos digitais, cada vez mais presentes na era atual. Estamos nos atendo a produtos físicos, que fomentam o empreendedorismo de leste a oeste do Brasil, inclusive nas regiões mais pobres e com menos acesso à tecnologia.

Desde sempre, a venda direta funciona como recurso para que milhões de pessoas gerem renda na informalidade e comecem uma jornada empreendedora, que acaba por transformá-la em MEI e, muitas vezes, permitindo que avance para os próximos níveis, gerando emprego, renda e oportunidades em sua região.

Hoje vamos falar sobre um tipo de produto específico que pode ser revendido e fazer com que seu investimento seja multiplicado em até 600%.

Revenda de semijoias

Revender semijoias é uma excelente opção para quem não tem muito dinheiro para investir mas não quer deixar de empreender.

O motivo é simples: semijoias possuem alta recorrência de compras e permitem uma margem de lucro realmente considerável.

Quem compra um par de brincos em janeiro não age como quem compra um tênis, por exemplo…

A compra de semijoias é frequente, pois além de existir uma grande variedade de tipos de peças à disposição (brincos, pulseiras, anéis, colares, tornozeleiras, escapulários, correntes e outros), elas podem ser usadas em conjunto, ou seja: uma pessoa não pode usar, ao mesmo tempo, dois tipos de calçados ou dois tipos de calças, mas ela pode usar até 3 pares de brinco ao mesmo tempo, diversos anéis, diversas pulseiras e até 3 ou 4 colares combinando entre si.

Você já tinha pensado sobre isso?

Tem outras coisas que fazem esse mercado ser muito interessante.

Nas épocas festivas, quando as pessoas começam a fazer procura por presentes, roupas e calçados sofrem muitas objeções, pois é difícil saber a numeração e o tamanho certo para presentear.

O mesmo ocorre com perfumes, que são uma escolha muito particular.

No entanto, uma pulseira, um par de brincos pequenos ou ainda, uma gargantilha delicada, servem como presente para meninas de todas as idades, o que faz com que seu público comprador seja enorme!

Esses são apenas alguns motivos que podem fazer você se interessar em revender semijoias, mas agora vamos nos atentar a algumas dicas importantes para entrar com pé direito nesse mercado:

O que fazer para revender semijoias com sucesso

1 – Nunca, em hipótese alguma, venda “fiado”.

Você pode aceitar cartões de crédito das mais diversas bandeiras tendo apenas um aparelho celular ou ainda, adquirindo uma máquina de pagamentos com cartão.

Não tenha medo de perder vendas por não aceitar vender fiado. Certamente, é melhor perder a venda do que perder o produto, o dinheiro e o amigo.

2 – Não trabalhe com bijuterias de baixa qualidade, especialmente as vindas da China.

O motivo é simples: a grande maioria de bijuterias vindas da China possui níquel em sua composição, o que causa alergias e, em alguns casos, até doenças de pele mais graves, como o câncer.

Além disso, bijuterias costumam sofrer desgaste muito rapidamente, o que pode fazer com que seus clientes venham procura-lo insatisfeitos e você não terá muito a fazer, se não devolver o dinheiro deles.

Caso opte por trabalhar com bijuterias, opte pelas artesanais, fabricadas no Brasil, de modo que você possa conversar com o fabricante e negociar uma troca ou reparo caso seja necessário. As bijuterias artesanais possuem alto valor agregado por serem exclusivas e podem ser um grande sucesso de vendas.

3 – Jamais minta sobre o seu produto.

Semijoias escurecem.

TODAS.

Quando um fabricante, lojista ou vendedor, vende uma semijoia dizendo que ela não vai ficar “preta” e que não vai oxidar, ele está mentindo para seu cliente e causando um grande dano ao mercado.

Toda semijoia fabricada em metal, em algum momento, perderá sua cor.

O cliente deve estar ciente disso para não comprar gato por lebre.

Caso ele precise de uma joia que dure por muitos anos, deverá comprar uma joia em ouro 18k, prata 925, 950 ou 990, aço inoxidável ou titânio.

Esses materiais são muito mais resistentes ao contato químico e às ações do tempo do que as semijoias folheadas.

Não se preocupe pois seu cliente não deixará de comprar de você ao ouvir que a semijoia, com o passar do tempo, sofrerá desgaste natural.

O cliente entende que o produto que está comprando não é eterno, desde que você não minta para ele na intenção de realizar a venda.

Seguindo esses passos, você poderá obter muito sucesso trabalhando com revenda de semijoias.

Diego Augusto

Diego Augusto

Deixe o seu comentário! Os comentários não serão disponibilizados publicamente

Os comentários estão fechados.

Outros artigos

Primeiro post!

Primeiro post!

Bem vindos ao blog Ideias e Finanças! Este blog foi criado com o objetivo de trocar conhecimentos sobre finanças, gestão, contabilidade, e todos assuntos relacionad...

Ler artigo
Empreender com vidraçaria

Empreender com vidraçaria

Quer empreender com vidraçaria? Confira essas dicas! A margem de lucro dos serviços de uma vidraçaria são excelentes, e, podem ser ainda maiores caso v...

Ler artigo

Otimizado por Lucas Ferraz.