Veja como organizar as finanças do seu negócio

Empresas em crescimento passam por transformações. Aparecem novos custos e certas despesas são substituídas por outras. 

Nesse cenário, é essencial saber organizar as finanças do seu negócio para conseguir investir na empresa de maneira segura, responsável e com maior chance de retorno.

Então, fizemos esse texto para mostrar os principais fatores responsáveis pelo crescimento da empresa financeiramente.

Planejamento como ponto chave para seu negócio

Primeiramente, é preciso planejar.

Pense em quais são os seus planos e o que você imagina que acontecerá com o seu negócio no curto e longo prazo. Se você pretende fazer a expansão da empresa, por exemplo, precisa estimar os custos médios que essa mudança vai trazer para não ficar desprevenido e precisar arcar com custos muito altos que não estavam previstos.

Veja como organizar as finanças do seu negócio

Além disso, tenha uma reserva de emergência para lidar com situações adversas. A pandemia, por exemplo, fez muitos negócios fecharem por não contarem com um capital de giro consistente.

Como manter a organização financeira da sua empresa

Nesse contexto, você pode ter diversos hábitos que ajudarão a manter a organização financeira da sua empresa. E isso evitará que você tenha retrabalho, custos desnecessários e ainda possa aproveitar seus investimentos da melhor forma.

Separe finanças pessoais das empresariais

Este é um conselho básico, mas também um dos mais importantes. É comum misturar as finanças pessoais com as da empresa, principalmente quando você tem um negócio pequeno ou ainda está iniciando um.

Mas este erro pode levar você à falência. Porque quando você tira dinheiro da empresa para pagar uma conta pessoal, aquele valor que seria usado em seu negócio fica desfalcado.

Além disso, quando você começa a fazer isso diversas vezes, nem lembra mais em que usou o dinheiro e só percebe a falta no momento de realizar um pagamento.

Assim, não cometa este erro e deixe separado a sua reserva pessoal e a da empresa.

Organize todos os registros financeiros

Recomendamos que você registre e organize todas as suas movimentações financeiras. Ou seja, anote as entradas e saídas e faça um balanço ao final de cada mês através da gestão de custos.

A partir disso, você poderá fazer análises e entender quais são os seus custos fixos mensais e de quanto é a sua despesa média.

Além disso, também poderá avaliar as áreas da empresa que estão dando mais retorno e em quais setores o gasto está sendo excessivo.

Ou seja, organizar os registros financeiros é essencial para controlar os custos e saber como investir na empresa.

Tenha opções para momentos de imprevistos

A pandemia veio para nos mostrar que imprevistos acontecem, até o que menos esperamos. Por isso, você precisa se preparar para lidar com situações adversas e com oscilações do mercado que podem impactar a sua empresa.

Por isso, é importante ter uma reserva de emergência para garantir que o seu negócio continuará atuando mesmo com a receita abalada.

Porém, você também tem outras opções. Sei que a ideia de pedir empréstimo pode parecer assustadora porque temos medo de não conseguir pagar as parcelas e ficarmos com o nome sujo. 

Mas existem muitas opções no mercado, principalmente com os bancos digitais trazendo soluções inovadoras. Assim, pesquise as taxas e compare as opções porque pedir um empréstimo pode ser a solução para manter o seu negócio vivo e até alcançar a expansão da empresa.

Saiba o momento de investir em seu negócio

Saber o momento de investir em seu negócio reflete diretamente no sucesso que a sua empresa vai ter.

Nesse contexto, recomendo que você esteja sempre atento ao cenário político e econômico do Brasil e do mundo. Além disso, também se atualize sobre o mercado financeiro e as novas formas de investimento que surgem constantemente.

Isso é importante para evitar que você tenha custos que não trarão resultados, sendo desperdiçados.

Imagine uma empresa de roupa que decidiu investir no negócio na pandemia e teve que fechar por causa das medidas de restrição contra aglomerações. Todo esse investimento seria desperdiçado nesse cenário. Por isso, é evidente que você precisa saber o momento certo de investir para ter mais chance de sucesso.

Organização financeira como aliada de sua empresa

Diante de tudo o que vimos até aqui, você já deve imaginar que pode usar a organização financeira como aliada da sua empresa. E use, também, a tecnologia a seu favor nesse processo. 

Você pode ter ótimos funcionários e oferecer soluções criativas aos seus clientes, através de um serviço de qualidade. Mesmo assim, isso pode não ser o suficiente para o crescimento da empresa sem uma organização financeira consolidada.

Por isso, cuide da saúde financeira do seu negócio para que ele prospere da melhor forma.

Conclusão

Investir na empresa é essencial quando queremos fazer mudanças no nosso negócio ou expandi-lo.

Mas precisamos saber o momento certo de fazer esse investimento para que ele gere retorno e não seja um desperdício econômico.

Além disso, quando necessário, considere pedir um empréstimo tanto para manter o seu negócio existindo quanto para alcançar a expansão da empresa.

Ideias e Finanças

Ideias e Finanças

O Ideias e Finanças tem como propósito levar a informação a respeito de empreendedorismo e finanças para pessoas de todo o Brasil

Outros artigos

Você pode ter interesse em:

Pix Saque e Pix Troco: Saiba Como Eles Funcionam

Pix Saque e Pix Troco: Saiba Como Eles Funcionam

O que considerar antes de alugar uma casa?

O que considerar antes de alugar uma casa?

Como melhorar o fluxo de caixa da empresa com 10 dicas

Como melhorar o fluxo de caixa da empresa com 10 dicas

Doar dinheiro: como isso é importante para o investidor?

Doar dinheiro: como isso é importante para o investidor?