Trabalhar em casa

Trabalhar em casa

Conheço muitos profissionais que deixaram o estresse do escritório para se dedicar as suas atividades profissionais em suas casas. Eu mesmo sou um deles. São inúmeras as vantagens para quem não precisa estar no escritório e pode fazer seu trabalho de qualquer local com acesso à internet.

Entretanto, é preciso ter alguns cuidados para não transformar trabalho em lazer, perder produtividade ou transformar-se em escravo dentro de sua própria casa. A partir da reportagem da Elisa Menezes para revista Você S/A, fiz uma seleção de dicas para quem quer entrar para o grupo dos profissionais que trabalham em Home Office.

1 – Como separar os negócios da família

A família tem que entender que, mesmo estando em casa, você está trabalhando. Particularmente, tive vários problemas com isso. Ainda há alguns tropeços aqui em casa. Mas é entendido que, quando estou sentado na escrivaninha com livros e computador não devo ser interrompido. Entender e lidar com isso é o início para o sucesso. Se você e seus familiares não souberem que mesmo trabalhando de casa deve haver rotinas e regras, haverá uma improdutividade.

2 – Tenha seu espaço para trabalhar

Em seu lar há espaços para determinadas atividades. Comer na cozinha, dormir no quarto, lazer na sala. É importante que você tenha seu espaço para trabalhar. Se não há condição ou espaço de criar um escritório, marque um espaço para você trabalhar. Se for o caso de dividir espaço com outras pessoas da casa, estipule horários e regras. Alguns especialistas sugerem utilizar um espaço que fique longe de possíveis distrações, como próximo à televisão. Aqui em casa uso um espaço na varanda: é fresco, com bom espaço e sem distrações. Algumas vezes vou até o shopping para ter novos insights, mas sempre evito ficar próximo da sala.

3 – Organize seus e-mails

Possuo três contas de e-mail e recebo, em média, um total de 300 mensagens por dia. É de suma importância que você saiba separar e organizar essas mensagens para melhorar a produtividade no dia a dia. Eu separo da seguinte forma: importantes, urgentes e normais. Às duas primeiras classificações são aquelas que priorizo para ler durante o dia; as normais são mensagens que deixo para ler no final de semana ou quando tenho um tempo livre durante o dia. Outra coisa fundamental é agendar horários para ler seus e-mails. Ficar olhando a caixa de entrada a todo momento desvia sua concentração e reduz sua produtividade.

4 – A tecnologia é sua aliada

O principal para quem trabalha em casa é ter um serviço de internet de banda larga e uma de telefonia eficiente. Esses serviços, e-mail e internet, mantêm de forma unida uma equipe que não está no mesmo espaço. Scanner, impressora, celular e até mesmo uma linha fixa de telefone para usar durante a sua jornada de trabalho ajudam a dividir a vida pessoal da profissional.

5 – Não leve os problemas do trabalho para casa

Trabalhar em casa tem uma grande vantagem que é de ganhar tempo de deslocamento. Aproveite as horas a mais que você ganha sem precisar se deslocar para estudar ou acordar mais cedo para fazer exercícios, ler jornal ou conversar com a família. Não necessariamente você precisa ficar dentro de casa. Como disse anteriormente, costumo ir trabalhar em outros locais, como a biblioteca pública ou da faculdade e nos shoppings para arejar a cabeça e buscar novas ideias. É uma forma de melhorar a qualidade de vida e aumentar a produtividade.

6 – Crie uma rotina diária

Ter um horário flexível pode ser muito bom, mas sem planejamento e rotina pode se tornar um problemão. Com horários flexíveis, é possível conciliar o profissional e o pessoal de uma forma produtiva. O mau é se tornar um workaholic, começando as 7h e indo até às 00h, ou se distrair com atividades domésticas e esquecer do profissional – já passei pelos dois problemas e, acreditem, você às vezes nem percebe o que está fazendo. O melhor a ser feito para evitar isso é estipular uma rotina diária, com horário para começar e encerrar o expediente. Outra dica é vestir-se de uma forma confortável, mas que dê a sensação de que você não está de férias.

Ideias e Finanças

Ideias e Finanças

O Ideias e Finanças tem como propósito levar a informação a respeito de empreendedorismo e finanças para pessoas de todo o Brasil

Deixe o seu comentário! Os comentários não serão disponibilizados publicamente

Os comentários estão fechados.

Outros artigos

Empreender no ramo dentário

Empreender no ramo dentário

Se você é um dentista e empreendedor e está pensando em expandir o alcance da sua clínica odontológica, como abrindo consultórios e expandindo a carteira de cliente...

Ler artigo

Otimizado por Lucas Ferraz.