Como avaliar se minha empresa é produtiva?

O dilema de toda empresa sempre foi o questionamento de como melhorar os resultados utilizando os mesmos recursos. Uma questão que define muito bem o que é a produtividade. É notório que a busca pela máxima produtividade é constante, no entanto é preciso de alguma forma utilizar-se de métodos de análise para acompanhar e gerenciar sua produtividade. No caso das empresas, podemos dizer que uma maneira de gerenciar a produtividade é acompanhar o faturamento, certo?

Como avaliar se minha empresa é produtiva?

E como o faturamento pode ser acompanhado? Bom, o faturamento em si não é a melhor maneira de avaliar o desempenho de uma empresa. Neste caso, indicadores como lucratividade, ponto de equilíbrio e ticket médio são importantes para avaliar se seu faturamento resulta em produtividade ou não. Porque Maico? Vamos descrever os 3 indicadores em questão para então compreender isto.

O primeiro indicador, lucratividade, aduz sobre o resultado da diferença entre o faturamento e o CMV (custo de mercadoria vendida). A lucratividade é o primeiro indicador que mostra se sua empresa está indo bem ou não dentro das estratégias de venda. Lucratividade negativa significa problemas com CMV; nestes casos é importante reavaliar alguns pontos como políticas de descontos e negociações com compradores. Se a lucratividade é negativa, ou você vai precisar aumentar muito seu faturamento (questão de escala) ou mesmo com um aumento significativo esta não surtira efeito.

O segundo indicador deve ser levado muito a sério. O ponto de equilíbrio é o valor necessário para que sua empresa empate o jogo, ou seja, atingindo este faturamento você ficará no 0 a 0, e ficar no empate não é bom pra ninguém, não é? Para melhor analisar este indicador é necessário saber quanto tempo sua empresa leva para atingir o ponto de equilíbrio, neste caso leia o texto Ponto de equilíbrio: o que é e como calcular?

Por fim, um indicador que muito me apetece: o ticket médio. Porque gosto dele? Por ser um indicador de grande aplicabilidade. Você pode avaliar ele por vendedor, cliente, produto, horário, dia, mês… a imaginação é o limite. Por padrão, muitos consultores utilizam por cliente, e indico este para você também.

Após demonstrar sucintamente (e muito sucintamente) os indicadores, é possível compreender porque faturamento não deve ser visto como indicador de desempenho da sua empresa.

Ideias e Finanças

Ideias e Finanças

O Ideias e Finanças tem como propósito levar a informação a respeito de empreendedorismo e finanças para pessoas de todo o Brasil

Outros artigos

Você pode ter interesse em:

Profissional Digital: O Que É e Como Se Tornar Um?

Profissional Digital: O Que É e Como Se Tornar Um?

O que faz uma Agência de SEO?

O que faz uma Agência de SEO?

Tecnologia nas residências. O que é automação?

Tecnologia nas residências. O que é automação?

Como calcular o giro de estoque da sua empresa?

Como calcular o giro de estoque da sua empresa?

O que são anúncios no Google Ads

O que são anúncios no Google Ads

Impostos para pequenas empresas: Como funcionam?

Impostos para pequenas empresas: Como funcionam?